10 passos para obter um bom resultado na Mixagem!

10 passos para obter um bom resultado na Mixagem!

cab-materia
10 passos para obter um bom resultado na Mixagem!

A primeira recomendação é OUVIR, OUVIR, OUVIR e a sua Gravação tem que ser a melhor possível!!!

Este post irá dizer-lhe tudo o que você precisa saber sobre Mixagem! OK?  Não mesmo ! 🙂

Se isso fosse possível, não haveria necessidade de eu fazer esse texto! Na verdade, o texto não vai sequer arranhar a superfície de tudo o que há para se dizer sobre música e mixagem de áudio – mas a idéia é mostrar dez passos fundamentais que – se você segui-los – vai permitir que você faça sua mixagem soar melhor e atingir bons resultados possíveis com a sua música e produções de áudio. Mas antes de chegarmos aos passos, aponto algumas coisas que na maioria das vezes não importam. Pelo menos, não tanto como os itens da lista de 10!

Algumas coisas que não são importantes para alcançar uma grande mixagem:

  • estúdios especiais ou um tratamento acústico caro.
  • equipamento de gravação caríssimo.
  • Certos plug-ins ou softwares que são o “must”.
  • “Golden Ears”.

Porém não há nada de errado em se ter qualquer uma dessas coisas, só ajuda! 🙂

Um estúdio dedicado construído propositadamente com tratamento acústico cuidadosamente calculado é uma coisa bonita, especialmente com um engenheiro que sabe como tirar o melhor proveito acústico – pois o tratamento acústico eficaz irá tornar sua vida muito mais fácil. Mas eles são essenciais para fazer uma grande gravação? Não.

Da mesma forma, quanto mais caro o equipamento que você usa, é provável que a qualidade seja mais confiável, mais robusto e etc. Mas com a tecnologia moderna atual também significa que você pode obter excelentes resultados, mesmo com um orçamento limitado. Alguns plug-ins soam melhor do que outros, sem dúvida. Mas o melhor nem sempre são os mais caros – na verdade, ás vezes existem alguns plug-ins bons e que são free!!!

Você precisa, lógico,  ter uma boa audição para ser um engenheiro ou um produtor – mas você não precisa ser um “Golden Ears”.  Ás vezes em termos de audição, você encontra Clientes que ouvem tão bem como engenheiros de mixagem!

Você precisa além de bons ouvidos, ter foco, determinação e atenção ao detalhe críticos – e, esses são alguns dos atributos de um bom produtor.

Então, vamos aos 10 passos  importantes na Gravação, para se obter grandes Mixagens, o tempo todo.

  1. Grave até obter bons e melhores takes! Atenção para os níveis de sinal quando gravando!
  2. Grave com os melhores músicos que puder, com instrumentos bons_decentes.
  3. Use os melhores Monitores que puder encontrar, mas aprenda como varias musicas de sua preferencia soam através deles para você obter uma boa referencia, inclusive quando estiver gravando!
  4. Encontre um espaço com grande sonoridade para gravar. (que acrescente cores, brilhos, amorteça o som, etc.)
  5. Use os melhores microfones que puder na gravação _ conheça-os!
  6. Ensaie muito os músicos antes de gravar, e certifique-se que o arranjo tenha um som equilibrado.
  7. Leve tempo para obter o posicionamento dos microfones, ache as melhores posições, ouça o som na posição que você vai colocar o Mic.
  8. Faça o som gravado da sala  soar tão bom quanto possível nos seus monitores.
  9. Invista bastante tempo na edição, ajuste e mixagem.
  10. Lembre-se – maior atenção e foco aos detalhes na gravação e depois na Mixagem_essa é a chave!

E é isso !

Se você puder seguir esses passos, é certo que suas mixagens soarão melhores e talvez fantásticas!!!

Parece fácil dizer, mas difícil de fazer? Bem, você pode ter razão, afinal dizem que Mixar é uma Arte! 🙂

Mas aqui está a boa notícia – mesmo que  você não consiga seguir todos os passos em todos os casos, ainda é possível funcionar. Mesmo em um espaço de gravação ruim, uma cuidadosa colocação de Mic´s  pode ajudar. Mesmo microfones baratos podem dar grandes resultados, se você usá-los bem, conheça bem a curva de captação do Mic, e você tirará um som melhor.

E há uma variável comum que influencia essas regras de forma constante – o Tempo!

  • Tire um tempo para encontrar grandes sonoridades dos monitores. Ouça bem e sempre com foco!
  • Tire um tempo para encontrar um bom local para a gravação – conheça a sala que você vai gravar, pode ser algum ponto dentro do estúdio, em que você não dê importância, onde o som é brilhante ou é “dark”, ou reverbera muito ou pouco, avalie em função do arranjo final e do foco da musica. Se você utiliza isso ao seu favor, com certeza você estará facilitando e deixando sua mixagem melhor, com menos processamento artificial.
  • Tal como monitores, bons microfones não precisam ser caros. Por exemplo, você pode obter um som de bateria ambiente fantástico usando um único microfone PZM – desde que o kit esteja em um  espaço de boa sonoridade. Conheça bem seus Mic´s (curva de captação e diagrama polar) e seus instrumentos a serem gravados!!!
  • Tire um tempo para ensaiar os artistas adequadamente. Colocar alguém gravando sobre pressão sem estar preparado só arruinará a qualidade do som, e você terá que fazer muitos takes, e isso significará também mais horas de estúdio e um custo maior no seu projeto, ainda mais se você fôr o Produtor!!! Certifique-se que os músicos estejam tão bem preparados quanto possível antes de você chegar nesse ponto.
  • Tire um tempo para trabalhar no arranjo – que instrumentos tocam juntos e quando, e o que eles tocam. A melhor maneira de se certificar que tudo é audível em uma mixagem, é ter a certeza que cada instrumento estará em seu próprio espaço musicalmente. Se você fizer isso, sonoramente tudo vai cair certinho no lugar quando você for mixar.
  • Tire um tempo no posicionamento dos mic´s. Experimente, pois ás vezes movendo um microfone 50 a 100 mm vai fazer mais diferença do que a compensação através dos seus pré-amplificadores, sua mesa(console), placa de som e plug-ins todos juntos. No caso dos Overheads na captação dos Cymbals-Pratos uma distancia dos Mic´s de 30 cm ou 90 cm ou 1,2 m em função da “mão” do baterista e da altura do teto fará uma grande diferença eliminando os sizzle_chiados e captando apenas a vibração pura dos pratos _ teste as distancias e ouça o som que sai nos monitores!
  • Observe e analise o momento em que você obtém um grande  take gravado … nenhuma edição digital moderna oferece uma melhoria como a que foi gravada, então é muito importante você saber reconhecer que uma performance original excelente não poderá ser melhorada numa edição posterior.
  • Tire um tempo para obter todos detalhes em todas as fases e tudo cairá direito em seu lugar na mixagem. Muitas vezes você vai ouvir as pessoas perguntando “que plug-in que eu preciso para chegar em minhas gravações de som como do Led, do Green Day, etc” – de fato as vezes esse pessoal nem sabe que quando as gravações foram feitas não foram usados plug-ins ou nem existiam!!!

É claro que sabemos que no mundo real , não podemos obter todas essas coisas certas no tempo todo – e é por isso que há dicas , truques, regras de ouro e sugestões para tornar cada etapa mais fácil – e, talvez ainda mais útil, e com certas maneiras de lidar com algo que está errado.

Ok, o objetivo aqui com essas dicas, é que você tenha em mente esses dez passos – e sempre se lembrar de que na Mixagem, o tempo para OUVIR é muito importante!  Se o que você OUVE soa bem contra uma referencia, então provavelmente seu mix estará bom!!!.

Até a próxima!

Você deve estar logado para postar um comentário